TCC de Moda | A minha coleção

Para quem ainda não sabe, eu me formei em Design de Moda ano passado. Fiz um vídeo falando um pouco sobre o meu TCC (Trabalho de Conclusão de Curso), que foi o vídeo onde eu falo do 4º semestre, que está na playlist lá no canal (clique aqui para acessar a playlist). O TCC  de moda é um pouco diferente dos demais cursos e um dos principais tópicos do TCC é o planejamento e desenvolvimento de coleção, que é o tema do post de hoje.

O planejamento e desenvolvimento de coleção demanda muita pesquisa, ao contrário do que muita gente pensa a criatividade é exercida de acordo com a bagagem, o repertório, o acervo cultural e não da noite pro dia. Nesse post vou falar sobre cada etapa do planejamento e desenvolvimento de coleção, cada etapa é representada através de painéis com imagens, pois assim teremos uma visualização mais rápida e objetiva. É importante salientar que cada instituição de ensino tem a sua metodologia.
Editorial da coleção Pelourinho: Entre flores e espinhos


Bom... antes de iniciarmos os processos da coleção, temos que saber o nosso público alvo, para quem vamos vender, e o nosso segmento, que tipo de produto a gente vai vender. Para isso precisamos fazer uma pesquisa minuciosa, para que possamos conhecer quem é o nosso público, o ambiente que frequenta, onde vive, do que gosta... O meu público alvo são mulheres jovens, de 18 a 24 anos, a maioria estudantes universitárias, que gostam de viajar, de conhecer lugares novos, são ligadas a cultura, a arte, gostam de frequentar museus, centros culturais, valorizam a cultura e o artesão local. O meu segmento é moda casual feminina, com intenção solar, são roupas casuais, frescas, feitas para cidades litorâneas, onde predomina o calor e o clima tropical.

Depois de sabermos o nosso publico alvo e o nosso segmento, iniciamos a etapa de pesquisas para a coleção. Começamos com a analise de cenário de mundo que nada mais é do que todos os acontecimentos vigentes de âmbito global e dividimos em duas atmosferas na nervosa e na virtuosa. Depois da análise de cenário, fazemos as redes de sinais, que são palavras chaves que definem o cenário de mundo, as sensibilidades mais emergentes são geralmente 4 palavras que são retiradas do cenário de mundo. 

Depois de toda essa analise cheguei ao tema Pelourinho: entre flores e espinhos. Por que entre flores e espinhos? O nome pelourinho significa uma pedra ou madeira que era colocado em um centro ou praça pública e lá eram castigados os criminosos, mas hoje o Pelourinho no centro histórico de Salvador, Bahia é um lugar icônico, que expressa bastante alegria, carregado de cultura, extremamente colorido, tem museus, ateliers, programações culturais, não só frequentado por turistas mas também por muitos soteropolitanos, e por meu público alvo também, por isso flores e espinhos, por que o pelourinho já foi um lugar marcado por muita dor e hoje é um lugar repleto de alegria. Depois de embasar o tema temos que fazer um painel de formas e cores, a minha inspiração para a coleção foi a alegria que as cores do pelourinho traz, a arquitetura barroca que é uma característica muito forte do Pelourinho e as formas e cores da roupas as baianas. Em seguida define as cores da minha cartela de cores, foi exigido de 8 a 12 cores sendo elas da paleta de cores da PANTONE. Cada cor da minha cartela de cores foi extraída das casas do Pelourinho.

Agora começamos a criar as peças, antes de criar as peças fazemos o mix de produtos, são 30 peças e 3 linhas, cada linha com 10 peças. Linha 1 - Flores na Janela: É uma linha que transmite todo o romantismo do pelourinho, como a graça e a elegância da baiana, através de cores e formas e estampas florais que remete às flores vistas nas sacadas dos casarões do Pelourinho. É uma linha mais indicada para ocasiões diurnas, que permita um pouco mais de graciosidade, e elegância. Linha 2 - Cores na Viela: É uma linha inspirada, nas vielas coloridas pelos casarões do Pelourinho. As peças foram feitas com bloco de cores de tecidos, de forma que a peça ficasse harmônica. É uma linha repleta de elegância, indicada, para sociais à noite. Linha 3 - Na subida da ladeira: Essa linha foi feita pensando no dia a dia do nosso público, as peças dessa linha garantem bastante conforto, para que a cliente enfrente os “altos e baixos” da vida.

Clique aqui para ver o editorial feito no Pelourinho para o TCC, com as peças da coleção. Fiz um vídeo explicando e mostrando tudo, inclusive os painéis, estampas, cartelas de cores, croquis, fichas técnicas.... então vamos lá assistir o vídeo!!!

CONVERSATION

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe aqui seu Comentário!